Artigos de Gestão Farmacêutica

Quer ser especialista em contas?

08/05/2020 | Maria Vieira

Muito do nosso trabalho de há 10 anos a esta parte consiste em trabalhar de perto com a equipa de gestão da farmácia, analisar em profundidade os números do negócio e de facto fazer muitas contas. Notamos que este foi o maior e mais profundo impacto no dia a dia dos responsáveis de Farmácia nos últimos anos. Tiveram de tornar-se especialistas em contas.

Não estamos a dizer que antes não se fizessem cálculos, mas de uma forma geral, era algo que competia ao contabilista ou ao ROC e não necessariamente ao trabalho diário e com o detalhe que hoje dedicamos a esta área da farmácia.

Felizmente assistimos ao longo destes anos a um upgrade na forma como os vários sistemas informáticos existentes no mercado disponibilizam as informações de gestão permitindo aos Gestores tomar outro tipo de decisões quer em termos de compras de produtos, de IVA23 e de genéricos, como também em apostas e produtos âncora, não descurando o esforço de venda ao balcão desses mesmos produtos. (...Ler Mais...)

E depois desta Guerra terminar?

13/04/2020 | Teresa Batista

De repente tudo muda. Muda até a nossa forma de perceber a vida. Tudo está bem e “normal” num momento e logo depois…a incógnita. E o futuro, esse, ainda ninguém consegue perceber bem como será!
Covid-19 é o tema mais falado no último mês e que ocupa as 24 horas diárias dos canais televisivos mundiais. Explicam-se as medidas preventivas, contam-se diariamente os infetados e mortos, falam-se dos sintomas, dos cuidados e das consequências económicas.
A nossa capacidade de adaptação a estas mudanças repentinas foi posta à prova.
Nestas épocas de crise conseguimos observar a resiliência dos profissionais de farmácia. Quando quase todas as instituições, lojas e negócios estão fechados, as farmácias continuam abertas. Claro que com bastante condicionamento, com mais regras, com mais cuidados. Mas os Farmacêuticos não baixam os braços. Estão a fazer o melhor, sem desistir, ainda que muitas vezes apeteça. (...Ler Mais...)

Qual o factor UAU na sua farmácia?

22/03/2020 | Maria Vieira

Sabe identificar o factor UAU como consumidor? É fácil pensarmos no que na realidade nos surpreende no atendimento, quando somos clientes. Pode ser a simpatia dos colaboradores, a rapidez, a forma como se dirigem aos clientes, a prestabilidade, a disponibilidade total para escutar e a empatia que criam. Se está a ler estas frases, está decerto a ser “transportado” para locais onde se sente assim, especial, porque o atendimento é verdadeiramente UAU. E, se reparar, não está a pensar em valores, preço, descontos ou promoções, mas sim na forma em como se sentiu especial e único naquele momento. E porque não nos preocupamos em criar este tipo de atendimento na Farmácia? Costumamos dizer aos nossos clientes que a grande diferença entre as farmácias existentes, mais ou menos na vizinhança, é a equipa que cada uma tem. (...Ler Mais...)

Quer fazer de 2020 um ano Consistente?

29/01/2020 | Teresa Batista

A Consistência é muitas vezes, se não quase sempre, a chave do Sucesso. E isto aplica-se quer ao âmbito pessoal e privado, quer ao profissional.

Nas reflexões e desejos do início do ano, muitas são as promessas e vontades de mudarmos comportamentos. Muitas vezes até se começa a tentar, mas pouco tempo depois tudo vai por água abaixo. Consegue rever-se nesta situação? O que faltou? A Consistência! A consistência não tem origem numa fórmula mágica, mas sim num processo que deve ser contínuo.

Também a nível profissional a Consistência é fundamental. Aqui falamos de manter um padrão, ter uma rota definida. A Consistência é um indicador de credibilidade. Por outro lado, a inconsistência gera desinteresse. Devemos ser persistentes, metódicos, firmes e estáveis.

Em algumas Farmácias que acompanhámos verificávamos que tinham existido tentativas de implementar a Avaliação de Desempenho, por exemplo. (...Ler Mais...)

Ano novo, farmácia antiga?

22/01/2020 | Maria Vieira

Deixe-me adivinhar… pediu nas resoluções de novo ano, mais clientes, melhores vendas, mais rentabilidade e uma equipa mais coesa? E com uma enorme probabilidade teria pedido o mesmo no ano anterior? Os anos passam, mas a grande maioria dos desafios mantém-se igual! Mas como alguém uma vez disse, “não podemos ter coisas diferentes fazendo sempre as mesmas coisas”. Se queremos resultados mais ambiciosos, equipas com mais competências, serviços mais diferenciadores, temos de trabalhar para o conseguir. Mas se todos os anos os pedidos são semelhantes, o que nos impede de fazer algo de diferente? O medo de errar? A incerteza do sucesso? O receio de ser o primeiro a “inventar”? A pouca adesão que pode acontecer por parte dos colegas ou dos clientes? Então, que tal começar por pequenos passos? Mais do que quantidade pensemos em qualidade… Guiões de Atendimento Já tem guiões de atendimento na sua farmácia? (...Ler Mais...)

Anterior

Formações

MAIS FORMAÇÕES